A insuficiência do dinheiro e dos bens materiais

Olá querido leitor! Tudo bem?

Não sei se você sabe, mas eu trabalho como life coach e mentora há 2 anos. Já realizei mais de 1.000 sessões. Nos processos, as pessoas apresentam seus sonhos, seus objetivos e desafios. Na primeira sessão do processo de life coaching costumo aplicar uma ferramenta que se chama Roda da Vida. Através desta ferramenta o coachee (pessoa que será treinada) faz uma avaliação das 4 grandes áreas da sua vida: pessoal, profissional, relacionamento e qualidade de vida.

É muito gostoso ver as pessoas lutando pelos seus sonhos, buscando por soluções e respostas, alcançando um nível maior de autoconhecimento e maturidade emocional. O aprendizado é enorme. Eu sempre aprendo muito com o ponto de vista do outro. É um trabalho extremamente prazeroso e gratificante.

Dentre tantos aprendizados, um que me chama muito a atenção neste momento (e até por isso decidi escrever sobre isso) é sobre a satisfação pessoal.

Existe uma grande insatisfação “pairando no ar”. As pessoas estão insatisfeitas com seu corpo, com seu cabelo, com suas roupas, com sua casa, com seus móveis… Estão insatisfeitas com seus amigos, com seus companheiros, com seu trabalho, com a igreja, com a política, com as finanças. Está faltando. Sempre está faltando algo.

Existe uma insatisfação, uma falta, um buraco dentro do ser humano. Existe uma fome que não é saciada, uma doença que parece não ter cura, um ponto que nunca é alcançado. Temos buscado desesperadamente por coisas, por lugares, por pessoas, por conhecimentos, por experiências… Mas, ao encontrá-los, a sensação é de curar uma ferida e automaticamente abrir outra.

Por que isso acontece? Em que momento você e eu nos sentiremos plenos, felizes e satisfeitos? Quando atingiremos o tão almejado “estado desejado”?

Outro dia, conversando com um coachee, ele me disse: eu quero mais dinheiro, quero ter um salário mais alto, quero ser melhor remunerado. Então, eu perguntei: como você vai se sentir quando atingir esse objetivo? Ele me respondeu: eu vou me sentir feliz e realizado.

De verdade, eu não tenho dúvidas de que ele se sentirá muito bem quando atingir esse objetivo. Eu mesma já realizei muitos sonhos que me trouxeram grandes alegrias.

Mas daí eu te pergunto: Essa felicidade será suficiente? Até quando ela vai durar?

Nenhum recurso material ou financeiro é capaz de nos trazer satisfação plena. As coisas deste mundo são passageiras. Permaneceremos insatisfeitos enquanto buscarmos pelas coisas materiais para satisfazer os desejos do nosso coração. Você pode sim, ganhar mais dinheiro, por exemplo, e sentir-se muito feliz. Mas, algum tempo depois você precisará de mais dinheiro ou de outras coisas para manter esse contentamento.

No livro de Eclesiastes, no capítulo 5, podemos ler: “O que amar o dinheiro nunca se fartará de dinheiro; e quem amar a abundância nunca se fartará da renda; também isso é vaidade”.

Caro leitor, você e eu não dependemos dessas coisas para nos sentirmos satisfeitos por completo! O nosso contentamento não está atrelado à quantidade de bens materiais que possuímos. Você pode ter pouco e ser plenamente feliz; isso vai depende do que você está buscando…

“Buscai primeiro o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas” – Evangelho de Mateus 6:33

Como você tem se sentido? Você sente que falta algo? Você percebe em si um vazio ou uma insatisfação?

O que você tem buscado ao longo dos seus dias? Onde você tem colocado o seu foco e a sua energia? Quais têm sido as suas prioridades?

Busque a Deus, de todo o seu coração. Busque à Deus logo pela manhã. Converse com Ele antes de iniciar cada atividade, peça por orientação e proteção. Olhe para dentro e encontre Deus. Veja Deus em você e em toda a criação. Contemple! Agradeça! O seu coração transbordará, sua alma se fartará e as benção alcançarão muitos à sua volta.

“Jesus respondeu e disse-lhe: qualquer que beber desta água tornará a ter sede, mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água a jorrar para a vida eterna” – Evangelho de João 4:13-14

Isso é magnífico!!!

Eu refleti bastante antes de escrever e compartilhar esse texto. Pensei em várias coisas e quero finalizar dizendo à você: lute pelos seus sonhos, persista nos seus projetos, mas busque a Deus em primeiro lugar. Esteja saciado e satisfeito antes de começar os seus dias e as suas atividades. Dessa forma você vai encarar a vida e seus eventos com sabedoria, com paz, com amor, com muita gratidão e satisfação!

“Posso todas as coisas naquele que me fortalece” – Filipenses 4:12

“O ladrão não vem senão a roubar, a matar e a destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” – Evangelho de João 10:10

Por que essa leitura foi importante para você?

Se você deseja se aprofundar nessa reflexão, leia: Filipenses 4, Mateus 6:19-34, Eclesiastes 5, João 4:1-30, Isaías 58.

Gratidão por esse momento!

Até a próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: